Romance da raposa – AQUILINO RIBEIRO (Episódio nº 2)

MAL DE DENTES

Salta - Pocinhas continua à procura de comida e dirige-se a casa do texugo  Salamundro, que estava a dormir na sua confortável cama.

Este ao acordar, mandou a raposa embora, dizendo que nada tinha, mas mesmo que tivesse nada lhe daria, pois ela cheirava mal.

Salta-Pocinhas ficou ofendida e pensou vingar-se.

Quando D. Salamundro saiu para casa do lobo Brutamontes, esta deitou-se na cama do texugo, na esperança de que quando ele regressasse não quisesse mais a casa e ela ficava servida.

De seguida, seguiu o texugo até casa do lobo, que estava cheio de dores de dentes e quando o apanhou só, entrou e ao vê-lo tão aflito disse que o ajudaria…

Francelina Marques

Share

Últimos artigos

Be the first to comment on "Romance da raposa – AQUILINO RIBEIRO (Episódio nº 2)"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*